O que são Crossfire e SLI?

Fazer Crossfire ou SLI no PC vale mesmo a pena?

SLI e Crossfire designam tecnologias que basicamente unem duas ou mais placas de vídeo, visando melhorar a capacidade do computador em rodar jogos mais pesados. Mas você sabe de fato como funcionam as tecnologias e quais as possibilidades para você aplicar uma delas em seu computador

Como tudo começou

A primeira empresa a pensar na idéia de colocar duas placas para trabalhar em paralelo, melhorando assim a qualidade gráfica, foi a 3Dfx, que usava a sigla como Scan Line Interleaving, que basicamente dividia as linhas da tela entre as placas de vídeo, fazendo com que cada uma respondesse por aproximadamente metade do conteúdo renderizado durante os games.

Alguns anos depois, a Nvidia comprou a 3Dfx e adaptou a tecnologia, mudando inclusive o significado da sigla para Scalable Link Interface, que significa Interface de Link Escalável. Desde então, diversas maneiras de associar as placas já foram criadas, pela Nvidia e sua rival ATI, que faz uso da expressão Crossfire para designar sua frente ao SLI.

Modos de associação

Falando das duas grandes produtoras de chips gráficos da atualidade, você poderá notar que atualmente há poucas diferenças na maneira de funcionar de ambas. Basicamente, os métodos escolhidos para melhorar os rendimentos dos games através da associação de placas são os mesmos, diferindo em poucos aspectos.

2584842willmat937_ecf1273b9fNvidia

Alternate Frame Rendering  (Renderização de quadros alternada) – Este modo basicamente divide a atuação das placas de vídeo de forma a separar os frames ou quadros dos jogos entre elas. Assim, enquanto um frame está sendo exibido por uma placa, os próximos já estão sendo carregados pelas outras.

Split Frame Rendering (Renderização com divisão de quadros – esta opção divide a tela pela metade, fazendo com que cada placa renderize menos área e consequentemente possa melhorar a qualidade ou velocidade dela.

No chamado sistema Quad SLI, que na verdade é um SLI de duas placas de vídeo duplas, como a 9800 GX2, por exemplo, acontece uma mescla dos dois modos citados acima. Cada uma das placas lida com frames diferentes e atua em metade da área da tela, aumentando ainda mais o desempenho.

hd_3800_cwillmatssfire

ATI

Praticamente todas as formas de Crossfire da ATI são basicamente iguais as da Nvidia, com leves modificações ou diferenças. Ela conta com modos para divisão de tela semelhantes às da concorrência, mas com divisão das tarefas de acordo com a potência de cada placa associada.

O método exclusivo da ATI chama-se SuperTiling, que divide a tela em vários quadrados, medindo sempre 32X32 pixels cada. Assim, as placas de vídeo lidam com um número apropriado para cada, novamente de acordo com a capacidade de cada chip.

Mas enfim, fazer uso das tecnologias SLI ou Crossfire vale a pena?

Há vários pontos que precisam ser pesados para você decidir se vai optar por esse tipo de tecnologia, o que depende de muitos fatores. O primeiro deles é ponderar se o preço gasto para preparar um computador pronto para o SLI ou Crossfire compensa.

Isso se deve ao fato de um sistema para associar placas de vídeo demandar uma placa mãe compatível com ele e que contenha minimamente dois slots PCI Express 16X, o que já aumenta um pouco o preço do produto. Além disso, será necessária uma fonte potente para dar conta de duas placas de vídeo, que são um dos componentes que mais consomem energia em um computador.

amd_croswillmatsfirex

Outro detalhe interessante é que, em alguns casos, é bem mais simples, cômodo e funcional comprar uma placa de vídeo dupla em vez de associar duas em Crossfire, por exemplo. Este caso pode ser bem elucidado pela HD 4870X2, uma placa dupla que é mais potente que uma associação em Crossfire de duas HD 4870.

No entanto, as vantagens para quem tem um computador pronto para associar placas é a possibilidade de atualizá-lo acrescentando placas de vídeo com o tempo. Se você tem uma fonte poderosa e três entradas PCI Express para a associação, é possível que você compre uma ótima placa hoje, acrescente outra daqui 6 meses, e quem sabe uma terceira no ano que vem, por exemplo.

A questão é que para os jogos serem um sucesso comercial, é necessário que a exigência de hardware não seja alta, pois excluiria a maioria dos usuários que não estivessem no último nível da tecnologia. Hoje uma placa de vídeo na faixa de 200 dólares (uma X700, X800 ou 6800 básica) já é suficiente para a grande maioria dos jogos, e ainda assim não são as placas mais populares. Mesmo que sua exigência de desempenho seja mais alta, há ótimas placas na faixa de 300 dólares que o atenderão confortavelmente até seu próximo upgrade.

O SLI ou Crossfire é a contramão do bom senso, pois eleva o custo do hardware para 500 ou mais de mil dólares só em placas de vídeo (quase o preço do upgrade para seu novo PC, com monitor de LCD, Dual Core e suporte a 64 bits) e está super dimensionado para qualquer jogo comercial atual ou que venha a ser lançado nos próximos 12 meses. Os monitores LCD de 17 ou 19 polegadas têm resolução nativa de 1280 x 1024, e não é necessária nenhuma solução exótica para conseguir jogar bem nessa resolução com um investimento bem menor. Para quem ainda usa CRT de 17 polegadas e 1024 x 768, não é preciso nem comentar muito…

Alguém aqui acredita no sucesso comercial de um jogo que tenha como requerimento mínimo uma solução SLI ou Crossfire?

normal_925735_20050309_screen005Supondo que você tenha comprado uma solução SLI da nVidia baseado no 6800Ultra, na época do lançamento a melhor solução disponível, você investiu só em placas de vídeo cerca de 1200 dólares no mercado americano (mais de 4 mil reais aqui no Brasil, aos preços da época), e seis meses depois já há uma solução melhor, a Geforce 7800. Minha pergunta é: fez diferença? Esse investimento todo valeu a pena ou foi uma grande abobrinha?

Seu vizinho, mais conservador, comprou uma placa de 200 dólares, os mesmos jogos que você, e se divertiu da mesma forma. A única diferença é que ele desligou o contador de FPS (frames por segundo), preferindo ignorar o quanto ele está “perdendo” em relação a você com sua super máquina.

Fontes: Combo Digital

Aqui na Oficina dos Bits você encontra as melhores placas de video, confira.

2 comentários em “O que são Crossfire e SLI?

  • 3 de novembro de 2010 em 15:46
    Permalink

    o sli e muito bom e o preço e acessível

    Resposta
  • 21 de julho de 2010 em 14:33
    Permalink

    Agora consigo visualizar o não desespero que devo ter quando for comprar uma placa de video para rodar meus jogos e rodar meu 3D Max à tona. Valeu pela postagem ficou exelente e esclarece bem a questão custo e beneficio.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Gostou do conteúdo do blog? Compartilhe! :)

LinkedIn
Share
Instagram