Problemas com o plugin-container.exe do navegador Firefox?

Neste tutorial, você vai aprender a como  desabilitar um processo aberto pelo novo Firefox que pode consumir memória desnecessariamente no seu computador. Seguindo as dicas abaixo, você aprende a impedir que o processo seja aberto e deixe sua navegação lenta.

A versão 3.6.4 do Firefox teve o lançamento atrasado porque seus desenvolvedores estavam terminando de implementar a opção que roda plugins em um processo diferente daquele em que roda o navegador. No entanto, ela não funciona como você deve ter pensado, ou seja, um processo diferente para cada plugin.

Na verdade, agora todo e qualquer plugin que o Firefox precisar carregar é rodado dentro do processo chamado “plugin-container.exe”. Mas qual a razão de querermos alertar você sobre a necessidade de fechá-lo, uma vez que ele é algo importante?

Ora, esse processo é aberto somente quando o Firefox precisa rodar algum de seus plugins. O problema é que ele só fecha junto com o navegador ou quando ele próprio é encerrado manualmente por meio do Gerenciador de processos do Windows.

Firefox

O “plugin-container.exe” não seria um problema caso se mantivesse aberto sem consumir memória alguma quando inativo. Todavia, mesmo quando nenhum plugin está aberto, ele continua a consumir a mesma quantidade de memória de quando os plugins estavam funcionando.

Por exemplo, imagine que você assistiu a um vídeo no YouTube e o “plugin-container.exe” precisou consumir 100 MB de memória RAM para rodá-lo adequadamente, isso quer dizer que mesmo quando você fechar a aba com o vídeo, a memória não será liberada de imediato.

Aos poucos o processo libera os recursos consumidos anteriormente, mas caso você precise dela para outras tarefas, provavelmente enfrentará problemas de lentidão do sistema. Portanto, sempre que você precisar da memória sugada pelo “plugin-container.exe”, o melhor a fazer é encerrá-lo.

Firefox

Para isso, abra o Gerenciador de tarefas do Windows por meio do atalho “Ctrl + Shift + Esc” e escolha a aba “Processos”. Então, selecione “plugin-container.exe” e use a opção “Finalizar Processo” para encerrá-lo – porém, tenha certeza de que o Firefox realmente não está com qualquer plugin aberto.

Caso você tenha curiosidade em saber quais plugins estão atualmente instalados em seu navegador, digite “about:plugins” na Barra de endereços e confira uma lista completa. Nela, certamente você encontrará itens como Flash, Silverlight, Quicktime e Java, assim como outros que você provavelmente desconhece.

Firefox

  • Opção drástica

A função do “plugin-container.exe” é evitar que um plugin rodando no mesmo processo do Firefox feche o navegador caso trave (já tentou abrir um arquivo em PDF e o browser deixou de responder?). Logo, essa é a razão dele rodar usando um processo diferente.

Considerando que usar esse processo deixa a navegação lenta e não usá-lo aumenta as chances do navegador inteiro travar e fechar sozinho – fazendo você perder tudo que estava aberto –, pense bem antes de seguir as instruções adiante: elas ensinam como desativar por completo o “plugin-container.exe”!

Digite “about:config” na Barra de endereços e selecione a opção “Serei cuidadoso, prometo!”. Depois, ao lado do campo “Localizar”, insira “dom.ipc” para filtrar seis preferências. Com exceção da primeira e da última, dê dois cliques nas quatro opções centrais para mudar seus valores para “False”. Finalmente, reinicie o navegador para que as mudanças tenham efeito.

Firefox

Os passos acima funcionam porque o “plugin-container.exe” não é ativado por todo e qualquer plugin instalado no Firefox, somente plugins específicos – como os supracitados. Portanto, ao desativar essas quatro preferências, nenhum dos plugins capazes de ativar o processo separado estará programado para tal.

Contudo, além de isso aumentar as chances de travar o Firefox, também há a chance de alguns elementos de páginas da internet deixarem de ser carregados corretamente. Ou seja, caso você use essa opção e não consiga mais navegar como antes, talvez seja melhor desfazer as alterações.
A

:: Melhore o desempenho do seu computador! Na Oficina dos Bits você encontra memórias, HDs e processadores para equipar o seu computador!
A

Memória 2GB DDR2 800MHz Kingston Value – KVR800D2N6/2G

Kit 4GB DDR2 1066MHz G.Skill Dual Channel (2 x 2GB) – (5-5-5-15) – F2-8500CL5D-4GBPK

Processador Intel Pentium Dual Core E5400 – 2.70GHz cache 2MB BOX

Processador Intel Pentium Dual Core G6950 LGA 1156 – 2.80GHz cache 3MB BOX

HD Externo 1.5TB Expansion External – USB – Seagate

HD Portatil 1TB 64MB Buffer – USB + Spire GigaPod – WD

Fonte: Baixaki

2 comentários em “Problemas com o plugin-container.exe do navegador Firefox?

  • 15 de maio de 2015 em 23:04
    Permalink

    iiiii o meus caros amigos do suporte do firefox olha eu estou muito chateado porque o plugin do firtefox o meu navegador favorito parou de funcionar e eu nâo estou conseguindo abrir nem uma pagina de navegação eu peço a ajuda de voces para me ajudar a restaura lo para que eu possa navegar tranquilamente por favor me ajude.

    Resposta
  • 13 de março de 2015 em 20:23
    Permalink

    Ola e no firefox novo a versão 36 como faz? pois é diferente. Aqui sempre fecha o navegador quando deixo apenas 2 ou 3 abas aberto e fecha… E ja apareceu um erro com esse plugin container.

    E tenho Processador dual core 2.6ghz, memoria ram 2Gb, Windows 7 32 bit, Windows e anti virus atualizado, ja reinstalei firefox não resolve. anti virus Microsoft security. Complemento só tenho Banco do Brasil – GBBD

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Gostou do conteúdo do blog? Compartilhe! :)

LinkedIn
Share
Instagram