Memória Flash: Entenda o que é, como funciona e onde é utilizado

memória flash ssd intel

Introdução

Com certeza você já se deparou com o termo “memória flash” ao realizar uma busca por SSD’s. Mas você saberia me dizer o que significa memória flash e como ela funciona?

Se a sua resposta for não, nos próximos parágrafos vamos te explicar o que é um armazenamento em flash, os seus tipos, como funciona e as diferenças.

Ficou curioso? Então continue com a gente que nas próximas linhas iremos resumir para você.

Vamos lá?

O que é armazenamento em Flash

Primeiramente, para entendermos como a memória flash funciona precisamos entender o que é o armazenamento em flash.

Memória flash consiste é um tipo de armazenamento não-volátil, ou seja, mesmo que não haja energia ela manterá as informações que foram salvas.

A memória flash é uma variação da EEPROM – Electrically-Erasable Programmable Read-Only Memory. Mais adiante explicaremos a diferença entre elas.

Foi inventada, em 1980, pelo Dr.Fujio Masuoka enquanto trabalhava para a Toshiba. E seu nome foi sugerido por um colega de Masuoka pela semelhança que o processo de apagamento de memória tem com o flash de uma câmera fotográfica.

Existem basicamente dois tipos de memória flash: Flash NOR (Not OR) e Flash NAND (Not AND). O primeiro permite acessar as células de memória de forma aleatória, como na memória RAM, porém com alta velocidade. Já o tipo NAND realiza o acesso as células de memória também em alta velocidade, mas de forma sequencial.

Quais são as diferenças entre memória Eeprom e memória Flash

A memória Flash consiste em um tipo de memória Eeprom. Mas o que difere uma da outra e porque a Flash é muito mais rápida?

Ambos são meios de armazenamento de informações digitais usados em computadores e outros dispositivos. 

A memória flash é uma tecnologia mais recente e mais rápida, sendo mais eficiente na exclusão e gravação de informações.

A principal diferença entre memória Flash e memória Eeprom é no caminho para apagar os dados. Enquanto EEPROM destrói os bytes individuais de memória usado para armazenar dados, dispositivos flash só podem apagar a memória em blocos maiores, isto faz com que os dispositivos flash sejam mais rápidos na reescrita.

Como funciona o armazenamento em Flash

Como dito anteriormente, a memória flash é um tipo de memória Eeprom, ao qual se assemelha a memória RAM, porém com a capacidade de manter as informações salvas mesmo não havendo energia.

Apesar de existirem dois tipos de memória flash (NOR e NAND), suas arquiteturas interna são bem semelhantes.

O armazenamento em flash consiste em inserir as informações digitais em chips “flash” de estado sólido, como em pen drives, ao invés discos rígidos giratórios.

Cada célula de memória possui dois transistores que representam o “Control Gate”, utilizado para ativar a célula e fazer a leitura dos dados, e o “Floating Gate”, local em que as informações são armazenadas.

O que é Flash NAND?

A memória Flash NAND trabalha com alta velocidade e realiza os acessos as células de memória de forma sequencial, tratando-as em conjunto e não individualmente.

As células NAND possuem o tamanho mais compacto e menos linhas de bits. É comumente usada em SSD, Pen drives, cartões de memória, câmeras digitais, players de áudio e set-top boxes.

Conclusão

Neste artigo te ajudamos a entender melhor o que é o armazenamento em flash, quais os tipos, vantagens e como ele funciona.

Agora que você já sabe como funciona e as vantagens de utilizar essa tecnologia, que tal passar lá no site da Oficina dos Bits e conferir as melhores ofertas de SSD?

Gostou desse artigo? Foi útil para você? Então comente e compartilhe! 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Gostou do conteúdo do blog? Compartilhe! :)

LinkedIn
Share
Instagram